Amor de Mãe

Amor de Mãe é uma telenovela brasileira produzida e exibida pela Rede Globo desde 25 de novembro de 2019, substituindo A Dona do Pedaço. É a 17.ª “novela das nove” exibida pela emissora. Escrita por Manuela Dias, com colaboração de Mariana Mesquita, Roberto Vitorino e Walter Daguerre, supervisão de texto de Ricardo Linhares, direção de Walter Carvalho, Noa Bressane, Philippe Barcinski, Isabella Teixeira, Fellipe Barbosa e Cristiano Marques e direção geral e artística de José Luiz Villamarim.

Regina Casé, Adriana Esteves e Taís Araújo interpretam as três protagonistas, mulheres de classes sociais diferentes em dilemas como mães. Conta com Humberto Carrão, Isis Valverde, Juliano Cazarré, Chay Suede, Irandhir Santos, Vladimir Brichta, Murilo Benício e Nanda Costa nos demais papéis principais.

Informação geral

Formato: Telenovela
Gênero: drama
Duração: 60 minutos
Estado: Em exibição
Criador(es): Manuela Dias
País de origem: Brasil
Idioma original: português

Produção

Diretor(es):  José Luiz Villamarim
Câmera:  câmera única
Roteirista(s):

  • Mariana Mesquita
  • Roberto Vitorino
  • Walter Daguerre

Tema de abertura: “É”, Gonzaguinha
Localização: Rio de Janeiro
Exibição:
Emissora de televisão original:  Rede Globo
Formato de exibição:  4K (UHDTV)[2][3]
Transmissão original: 25 de novembro de 2019 – presente

Produção

Manuela Dias entregou a sinopse da trama no primeiro semestre de 2016, sendo que em 19 de junho daquele ano o projeto foi aprovado para entrar na fila das “novelas das nove” para 2019. Manuela foi a primeira autora na história da Rede Globo a entrar para o horário nobre sem nunca ter assinado uma novela em outro horário ou outra emissora antes, apenas duas minisséries e colaborações em outras obras. Além disso, a autora foi a primeira a estrear nas 21h em 3 anos, desde Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari em 2016 com A Lei do Amor. Originalmente a trama se chamaria Troia, em referência à cidade mitológica, porém o nome foi mudado para Amor de Mãe para expressar melhor o enredo central em torno das três mães.

Durante a produção dos roteiros, Ricardo Linhares, escalado como supervisor da trama, fez com que Manuela mudasse seu texto diversas vezes, considerado “muito culto” e “difícil” para todos os públicos, alegando que o horário precisava de uma novela de fácil compreensão, uma vez que o público nessa faixa não queria ter que pensar muito. Manuela citou que suas minisséries anteriores, Ligações Perigosas e Justiça, tinham a mesma complexidade e foram bem aceitas, porém teve que mudar os textos. Em junho de 2019 começaram os workshops com especialistas em cultura nordestina para o núcleo que viria da região, além de outros laboratórios necessários para a criação dos perfis dos demais personagens.

As primeiras gravações começaram em agosto. Amor de Mãe foi a primeira produção a ser rodada no recém-inaugurado Módulo de Gravação 4 (MG4) dos Estúdios Globo,  o que ajudou os diretores em uma composição mais realista dos cenários, que não precisavam ser desmontados após as gravações. A cidade cenográfica, com 9.000 m², simulava o bairro fictício do Passeio, baseado no bairro carioca de São Cristóvão, com uma rua principal encoberta por um viaduto (como a Linha Vermelha), onde havia locações como o restaurante da protagonista Thelma, uma usina de reciclagem e uma feira de produtos nordestinos (baseada no Centro de Tradições Nordestinas).

Escolha de elenco

No primeiro esboço da história, Magno seria o filho vendido de Lurdes e Cauã Reymond o interpretaria, porém o ator pediu desligamento para protagonizar a novela substituta, Um Lugar ao Sol.   Juliano Cazarré ficou com o papel, porém a autora decidiu mudar o roteiro para incluir um quarto filho biológico, o qual a partir de então seria o vendido, intitulado Domênico e interpretado por Humberto Carrão Selton Mello foi convidado pessoalmente pela autora para interpretar Davi, mas recusou por estar comprometido com outros projetos, incluindo o papel de protagonista da próxima novela das seis Nos Tempos do ImperadorThiago Fragoso chegou a ser escalado para o papel, mas foi deslocado para um dos protagonistas de Salve-se Quem Puder e o papel ficou para Vladimir Brichta.   Leandra Leal foi convidada para interpretar Érica, depois da boa repercussão de sua personagem na minissérie Justiça, mas abriu mão da personagem por estar produzindo dois documentários.  Bruna Marquezine chegou a ser cogitada, mas a emissora decidiu descansar a imagem da atriz após o término de Deus Salve o Rei, e a autora indicou Nanda Costa para a personagem.  Carol Duarte chegou a ser reservada para a trama para o papel de Amanda, devido a boa repercussão de sua personagem em A Força do Querer, mas após o adiamento, a profissional foi deslocada para O Sétimo Guardião, passando a personagem para Camila Márdila.

Débora Bloch foi escalada para o papel da socialite Lídia, mas pediu dispensa da produção para protagonizar a série Segunda Chamada. Débora Falabella foi outra escalada para o papel, porém Malu Galli foi confirmada para a personagem. Cássia Kiss iria interpretar a antagonista Ana, irmã de Lurdes que originalmente venderia o bebê, mas a atriz preferiu integrar a série Desalma, sendo que a autora decidiu modificar a história, na qual quem vendia a criança seria o então marido da protagonista, interpretado a partir de então por Daniel Ribeiro; enquanto Ana passou a se chamar Kátia, mudando o posto de irmã da protagonista para uma traficante de crianças, sendo interpretada por Vera Holtz. Renata Sorrah recusou o papel de Nicete por considerá-lo muito pequeno, optando por estar no elenco da série Filhas de Eva, e Magali Biff assumiu o posto. Gabriel Leone, Isabella Santoni, Fernanda Rodrigues, Juliana Paiva e Flávia Alessandra tiveram seus nomes inclusos na lista de elenco durante a pré-produção, porém acabaram não integrando a trama. Amor de Mãe marca o retorno de Arieta Corrêa às novelas após 23 anos, quando esteve no elenco principal de O Rei do Gado, em 1996, e desde então, a atriz fez participações pequenas em novelas, mas sua última aparição na televisão foi na minissérie A Teia, em 2014.

Enredo

Três mulheres de classes sociais diferentes vivem seus dilemas como mães: Lurdes (Regina Casé), Vitória (Taís Araújo) e Thelma (Adriana Esteves). Lurdes é uma nordestina batalhadora que teve quatro filhos: Magno, Ryan, Érica e Domênico – vendido aos 2 anos por seu ex-marido para a traficante de crianças Kátia (Vera Holtz). Sabendo que ele foi enviado para o Rio de Janeiro, ela partiu para lá com os filhos em 1993 e, no caminho, encontrou a órfã Camila (Jéssica Ellen), a quem decide criar. Após 26 anos de busca, ela chega até Sandro (Humberto Carrão), um marginal criado por Kátia com várias passagens pela polícia e envolvido em diversos crimes, o qual ela consegue converter em um rapaz de bom coração e lhe ensinar o melhor da vida. No entanto Lurdes descobre que o rapaz é filho de sua patroa, Vitória, uma advogada rica e bem sucedida, que o deu recém-nascido para a traficante para não atrapalhar seus estudos, uma vez que ela tinha 16 anos, sendo fruto de um romance com Raul (Murilo Benício), que nunca soube da gravidez.

Infeliz por ter chegado aos 45 anos sem ser mãe, ela agora tem que lidar com três filhos de uma vez só: Sandro, Tiago (Pedro Guilherme Rodrigues), adotado há poucos meses, e uma gravidez inesperada, fruto de um único encontro com o ambientalista Davi (Vladimir Brichta). Ele tenta enviar para a cadeia o principal cliente de Vitória, Álvaro (Irandhir Santos), um empresário inescrupuloso que causou graves danos ambientais com os dejetos de sua empresa, o que faz com que a advogada comece a rever sua ética profissional. Já Thelma é uma viúva que superprotege o filho, Danilo (Chay Suede), a ponto de esconder que tem um aneurisma cerebral incurável, gerando diversos conflitos pelo rapaz se sentir sufocado e sem liberdade, ainda mais quando ele começa a namorar Camila e mãe os pressiona para terem um filho. Além disso, ela vive um embate com Álvaro, que comprou a área em volta de seu restaurante e usa de sabotagem para tentar fazê-la vender o local. Em certo ponto da história é revelado que o verdadeiro Danilo morreu aos 2 anos e Thelma, sem condições psicológicas de adotar, comprou uma criança de Kátia, a qual ela descobre ser Domênico e passa a tentar esconder a todo custo de Lurdes.

Magno (Juliano Cazarré) se apaixonou por Betina (Isis Valverde), enfermeira que cuida de sua esposa Leila (Arieta Corrêa) – em coma há 10 anos –, porém esconde da moça que acredita ter matado seu irmão acidentalmente para salvar Verena (Maria) de um estupro, sendo que os dois ainda tem que lidar com a mulher quando ela acorda e passa a inferniza-los. Raul mantinha um casamento falido com Lídia (Malu Galli) e um caso com Estela (Letícia Lima) até conhecer Érica (Nanda Costa), por quem se apaixona e abandonou as duas por ela, porém ambas passam a inferniza-los, uma vez que não querem serem trocadas, enquanto o relacionamento dos dois se estremece a medida que a moça não se adéqua à alta sociedade e ele reencontra Vitória. Ryan (Thiago Martins) sonha em se tornar cantor e sempre pressionou a namorada, Marina (Erika Januza), que treina para ser tenista profissional, para lhe dar mais atenção que ao esporte. Ainda há Amanda (Camila Márdila), ativista ambiental radical que quer arruinar Álvaro e Raul.

Exibição

Originalmente, Amor de Mãe deveria estrear em maio de 2019 substituindo O Sétimo Guardião, porém em setembro de 2018 diversas mudanças no texto de Manuela foram exigidas e a novela foi adiada, passando a vaga para A Dona do Pedaço. Com o adiamento, a novela ficou sem data para estreia na ocasião.  Manuela teve que disputar o horário da substituta de Walcyr Carrasco com Lícia Manzo e Gilberto Braga, ficando com a vaga, cuja data de estreia foi fixada em novembro de 2019.  Os teasers da novela começaram a ir ao ar em 28 de outubro, mostrando pessoas anônimas e parte do elenco contando a importância das mães em suas vidas.

“É”, de Gonzaguinha, já havia sido tema de abertura da telenovela Vidas em Jogo, da RecordTV, em 2011 e também fez parte da trilha sonora de Vale Tudo, de 1988.

Suspensão da exibição

Em 16 de março de 2020 foi anunciado que as gravações da novela foram suspensas por tempo indeterminado devido a crise global causada pelo novo coronavírus (COVID-19) como forma de poupar os atores e equipe e que, consequentemente, a exibição da novela seria interrompida após 21 de março. Em seu horário foi anunciada a reprise de Fina Estampa (2011) a partir de 23 de março.

Elenco

Regina Casé  /   Lurdes dos Santos Silva
Adriana Esteves  /  Thelma Nunes Viana
Taís Araújo  /  Vitória Amorim
Humberto Carrão  /  Sandro Amorim Camargo
Isis Valverde  /   Betina Torres da Nóbrega
Juliano Cazarré  /  Magno dos Santos Silva
Arieta Corrêa  /   Leila Moreira dos Santos
Irandhir Santos  /  Álvaro da Nóbrega
Vladimir Brichta  /  Davi Moretti / Hugo Silvério
Murilo Benício  /  Raul Camargo
Nanda Costa  /  Érica dos Santos Silva
Chay Suede  /  Danilo Lopes Viana / Domênico dos Santos Silva
Jéssica Ellen  /   Camila Pereira
Thiago Martins  /  Ryan dos Santos Silva
Érika Januza  /  Marina Castro
Malu Galli  /  Lídia Camargo
Letícia Lima  /  Estela Teixeira
Tuca Andrada  /  Belizário Lacerda
Camila Márdila  /  Amanda Crespo
Maria Verena  /  Ovisco
Enrique Diaz  /  Durval Barbosa
Magali Biff  /  Nicete Torres
Clara Galinari  /  Brenda Moreira dos Santos
Débora Lamm  /  Miranda Amorim Junqueira
Milhem Cortaz  /  Dr. Matias Junqueira
Isabel Teixeira  /  Jane D’Ávila
Clarissa Kiste  /  Natália Amorim
Ana Flavia Cavalcanti  /  Miriam Amaral
Clarissa Pinheiro  /  Maria da Penha Moreira (Penha)
Douglas Silva  /  Marconi
Alejandro Claveaux  /  Tales Paiva
Giulio Lopes  /  Miguel Moretti
Duda Batsow  /  Carolina Amorim Barbosa (Carol)
WJ  /  Edvaldo Lopes (Garnizé)
Dora  /  Freind Loyane Barreto
Dida Camero  /  Eunice Matos Brandão
Rodolfo Vaz  /  Nuno
Nando Brandão  /  Lucas Gonçalves
Susanna Kruger  /  Osana Barreto
Gustavo Novaes  /  Treinador Samuel
MC Cabelinho  /  Diogo Barreto (Farula)
Dhonata Augusto  /  Vapor
Aldene Abreu  /  Dayse das Chagas
Xamã  /  Phanton
Alex Patrício  /  Iuri Porto
Tobias Carrieres  /  Nivaldo Machado
Cacá Ottoni  /  Joana de Sá
Beatrice Sayd  /  Edilene Reis
Pedro Guilherme  /  Rodrigues Tiago Amorim
Gabriel Palhares  /  Nicolas Amorim Junqueira
Gianlucca Mauad  /  Tomás Amorim Junqueira

Participações especiais

Vera Holtz   /   Kátia Matos Brandão
Lucy Alves   /  Lurdes dos Santos Silva (jovem)
Daniel Ribeiro  /   Jandir Silva
Luiz Carlos Vasconcelos   /  Januário Silva
Júlio Andrade   /  Sinésio Viana
Rodrigo García   /  Vicente Novaes
Mariana Nunes   /  Rita Pereira
Fabrício Boliveira   /  Paulo
Filipe Duarte   /  Gabo
Antônio Benício   /  Vinícius Camargo
Paulo Gabriel   /  Genilson Torres
Dan Ferreira   /  Wesley Madureira
Nanego   /  Lira Oliveira
Andrea Dantas   /  Fátima Bernardino
Luísa Sonza   /  Mel
Anitta   /  Sabrina
Mouhamed Harfouch  /   Daniel Vilanova Hidalgo
Léo Rosa   /  César
Letícia Pedro   /  Ive Gonzales
Cláudio Gabriel Clóvis   /  Benemério
Roberta Gualda   /  Silvânia
Marcelo Escorel   /  Dr. Quintela
Gabriel Kaufmann  /   Fabiano
Letícia Isnard  /   Tracy
Fábio Lago   /  Carlinhos Novaes
Joelson Medeiros  /  Silas
Roberto Frota   /  Seu Onofre
Cinira Camargo   /  Tânia Matos Brandão
Zezita de Matos   /  Maria dos Santos
Lana Guelero   /  Celeste
Ângela Rabelo   /  Mariluz Novaes
Paulo Verlings   /  Fantón
Guilherme Duarte   /  Mário Sérgio
Kacau Gomes   /  Lucimara
Charles Fricks   /  Dr. Ronaldo
Thelmo Fernandes   /  Capitão Bruno
Raquel Fabbri   /  Lucélia
Inez Viana   /  Sílvia
Ravel Andrade   /  Elias
Saulo Segreto   /  Capitão Jorge
Maureen Miranda   /  Sheila
Zemanuel Piñero   /  Agenor Crespo
Mariah da Penha   /  Dona Clemildes
Marcos Dioli   /  Nelson
Démick Lopes  /   Guará
Isis Pessino   /  Cássia
Séfora Rangel   /  Alaíde
Susanna Kruger   /  Osana
Jack Berraquero   /  Jader
Alexandre David  /   Dalto
Ruan Aguiar   /  Adriel
Jeniffer Dias   /  Salete
Gabriel Reif   /   Jhonatan
Arnaldo Marques  /   Dr. Gilberto
Márcio Machado   /   Dr. Xavier
Tiago Homci  /   Bombeiro
Aisha Moura   /  Aluna de Camila
Fabiana Schunk   /   Dançarina de tango
Gabriella Vergani   /   Thelma (jovem)
Izabela Prado   /   Vitória (jovem)
Stella Rabello   /   Kátia (jovem)
Daniel Carvalho  /   Sinésio (jovem)
Catarina de Carvalho   /  Miranda (jovem)
Fernanda Lasevitch  /    Jane (jovem)
Priscilla Vilela   /  Celeste (jovem)
Eros Lázari   /  Domênico (criança)
João Guilherme Fonseca  /   Magno (criança)
Pietro Buannafina   /   Ryan (criança)
Luciano Huck   /  Ele mesmo
Cissa Guimarães   /  Ela mesma
Zeca Camargo   /  Ele mesmo

 

Música

O volume 1

A  trilha sonora da novela foi lançada pela Som Livre e traz na capa Adriana Esteves, Regina Casé e Taís Araújo caracterizadas como Thelma, Lurdes e Vitória.

1. “É”  /  Gonzaguinha  /   Abertura  /   5:00
2. “Acreditar”  /   Beth Carvalho  /   Danilo  /   3:07
3. “Libertação” (part. Virgínia Rodrigues)   /  Elza Soares e BaianaSystem  /   Vitória e Davi   /  4:19
4. “Garota Nacional”   /  Skank  /   Érica   /  5:17
5. “Sentimental”   /  Los Hermanos   /  Raul e Érica   /  5:09
6. “O Estrangeiro”   /  Caetano Veloso  /  Geral   /  6:15
7. “Hier Encore”   /   Charles Aznavour   /  Lídia   /  2:23
8. “Minha Mãe”   /  Gal Costa ft. Maria Bethânia  /   Lurdes, Thelma e Vitória /  4:40
9. “Medo Bobo”   /  Rubel   /  Magno e Betina  /   3:18
10. “Acabou Chorare”   /  Novos Baianos  /   Sandro  /   4:13
11. “Onde Estará o Meu Amor”   /  Maria Bethânia  /   Lurdes  /   3:31
12. “Bloodfood”  /   Alt-J   /  Raul  /   4:09
13. “O Que É Que Há”  /   Gal Costa   /  Thelma   /  3:45
14. “Tô Te Querendo”   /  ÀTTØØXXÁ,   /  Omulu e Luedji Luna   /  Danilo e Camila   /  2:50
15. “Bixinho”  /   (Lux & Troia Remix)   /  Duda Beat Ryan   /  3:27

Volume 2

A da trilha sonora da novela foi lançada pela Som Livre e traz na capa Chay Suede e Jéssica Ellen, caracterizados como os personagens Danilo e Camila.

1. “Conselho”  /   Almir Guineto  /   3:19
2. “É Preciso dar um Jeito, Meu Amigo”  /   Erasmo Carlos  /   3:47
3. “Mulher do Fim  do Mundo”   /  Elza So ares  /   4:37
4. “As Canções que Você Fez pra Mim”   /   Maria Bethânia  /  3:44
5. “Meu Mundo é Hoje (Eu Sou Assim)”   /   Paulinho da Viola /3:08
6. “Ela”   /  Tim Bernardes  /   3:01
7. “Haja o Que Houver”   /  Madredeus  /   4:33
8. “Cold World”   /  Macy Gray  /   Álvaro e Estela   /  3:06
9. “O’Children”   / Nick Cave &The Bad Seeds   /6:51

10. “Hurricane”   /  Bob Dylan  /   8:32
11. “Real Love Baby”   /  Father John Misty   /  Raul e Vitória  /   3:09
12. “Brother”   /  Jorge Ben Jor Durval   /  2:54
13. “Não Me Arrependo”   /  Caetano Veloso   /  4:08

14. “Palavras no Corpo”   /  Gal Costa Vitória e Davi   /  3:59
15. “Alvorada”   /  Cartola   /  2:38

Outras canções não incluídas

A Isso Chamam Vagamente de Solidão” – Alice Caymmi
Ainda é Tempo para Ser Feliz” – Beth Carvalho e Zeca Pagodinho
Alagados” – Os Paralamas do Sucesso
“Aparências” – Belchior
“Aquele Abraço” – Gilberto Gil
“As Forças da Natureza” – Clara Nunes
“Atrás/Além” – O Terno
“Bluesman” – Baco Exu do Blues
“Changes” – Charles Bradley
“Dê um Rolê” – Gal Costa (tema de Davi)
“Deusa do Amor” – Moreno+2[103] (tema de Danilo e Camila)
“Dois Enganados” – Murilo Huff e Marília Mendonça
“Estação Derradeira” – Chico Buarque
“Estranha Forma de Vida” – Camilo Carrara
“Fado Tropical” – Chico Buarque
“Favela Chegou” – Anitta e Ludmilla
“Faz uma Loucura por Mim” – Malia
“Folhas Secas” – Elis Regina ou Beth Carvalho
“Fracasso” – Fagner ou Alice Caymmi
“Gatinha Manhosa” – Adriana Calcanhotto
“Hora de Guardar” – Elenco
“Have You Ever Seen the Rain?” – Willie Nelson ft. Paula Nelson
“Idiota Favorito” – Murilo Huff
“Insensatez: a Mulher que Fez” – Graveola
“Invocada” – Ludmilla
“Janta” – Marcelo Camelo e Mallu Magalhães
“Luz Negra” – Cazuza
“Mãe” – Caetano Veloso ou Gal Costa
“Matilda” – alt-J
“Meu Jeito de Amar” – Duda Beat, Omulu, Lux & Troia
“Mistérios” – Milton Nascimento
“Mr. Bojangles” – Nina Simone
“Não Dá Mais pra Segurar (Explode Coração)” – Gonzaguinha
“Não Sei Dançar” – Marina Lima
“Obsessão” – Orquestra Imperial
“Open” – Rhye
“Péssimo Negócio” – Dilsinho
“Poesia Acústica 6” – Azzy, Bob do Contra, Dudu, Filipe Ret, Maquiny, MC Cabelinho, Orochi, Xama, Malak e Slim
“Quando Bate Aquela Saudade” – Rubel
“Samba e Amor” – Chico Buarque ou Caetano Veloso
“Segue o Seco” – Marisa Monte
“Sinal Fechado” – Paulinho da Viola ou Elis Regina
“Soluços” – Jards Macalé
“Sua Estupidez” – Gal Costa
“Sua Mãe Vai me Amar” – Turma do Pagode
“Supera” – Marília Mendonça
“Temporal” – Art Popular
“Veja (Margarida)” – Elba Ramalho
“Vilarejo” – Arnaldo Antunes
“Volta por Cima” – Maria Bethânia

Recepção

Audiência

O primeiro capítulo marcou 35 pontos, a melhor estreia na faixa desde Segundo Sol, representando um aumento em comparação às duas anteriores. O seu segundo capítulo registrou 33 pontos.Em sua primeira semana acumulou 30.1 pontos, a menor desde A Lei do Amor, superando apenas O Sétimo Guardião. Bateu recorde negativo nos dias 24 e 31 de dezembro, quando cravou 17 pontos.

Em 12 de março de 2020, bate seu primeiro recorde desde a estreia com 35.8 pontos. Em 17 de março, bate outro recorde com 37.4 pontos.

Prêmios e indicações

2020: Troféu Internet / Melhor Novela / Manuela Dias / Pendente
2020: Troféu Internet / Melhor Ator / Chay Suede / Pendente

Fonte: Wikepedia e IMDB Além da Pesquisa Site Imagoi