Os Incríveis – Filme

Os Incríveis (The Incredibles)  é um filme americano de 2004, a sexta animação da Pixar Animation Studios/Estúdios de Animação Pixar, distribuída pela Walt Disney Pictures. O filme foi lançado nos Estados Unidos em 5 de novembro de 2004; em Portugal The Incredibles: Os Super-Heróis estreou em 25 de Novembro de 2004. Foi indicado a 4 Oscars, vencendo 2: Melhor Filme de Animação e Melhor Edição de Som. Além disso, ganhou 10 Annie Awards de 16 nomeações.

Foi escrito e desenvolvido por Brad Bird, ex-diretor de Family Dog e Os Simpsons, mais conhecido por ter dirigido o filme de animação O Gigante de Ferro. Os Incríveis foi originalmente desenvolvido para o processo de animação tradicional, onde os desenhos eram feitos à mão. Mas depois do fracasso de Looney Tunes: Back in Action, de 2003, a Warner Bros. decidiu fechar sua divisão de animação. Bird então comentou sobre o projeto com seu ex-colega de faculdade, John Lasseter, que gostou da ideia e o convidou para trabalhar na Pixar. Lasseter também convenceu Bird a produzir o filme em animação por computador.

Diversas empresas lançaram produtos promocionais relacionados ao filme. A Dark Horse Comics lançou uma série limitada de quadrinhos baseada no filme. A Kellogg’s lançou um cereal com o tema dos Incríveis, assim como pop tarts e lanches com frutas. Nas semanas antes da estreia do filme também houve esforços promocionais com a SBC Communications e o McDonald’s.

O filme ganhou uma sequência, intitulada Incredibles 2, lançada em 15 de junho de 2018.

Os Incríveis:Confusão no jantar

Os incriveis-familia se abraçando
Os incriveis-familia se abraçando

Informações Gerais

No Brasil Os Incríveis
Em Portugal The Incredibles: Os Super-Heróis
Origem: Estados Unidos
Ano: 2004 Duração: 115 min
Direção: Brad Bird
Produção: John Walker
Kori Rae (Associada)
Katherine Sarafian (Assistente)
Produção executiva: John Lasseter
Roteiro: Brad Bird
Gênero: ação
comédia
super-herói
Música: Michael Giacchino
Cinematografia: Andrew Jimenez
Patrick Lin
Janet Lucroy
Direção de arte: Lou Romano
Edição Stephen Schaffer
Companhia(s) produtora(s): Pixar Animation Studios
Distribuição: Walt Disney Studios Motion Pictures
Lançamento: Reino Unido 27 de outubro de 2004 (BFI London Film Festival)
Estados Unidos 5 de novembro de 2004
Portugal 25 de novembro de 2004
Brasil 10 de dezembro de 2004
Idioma: inglês
Orçamento: US$ 92 milhões
Receita: US$ 631 442 092

Sinopse

Depois que o governo baniu o uso de superpoderes, o maior herói do planeta, o Sr. Incrível, vive agora uma vida normal e pacata com sua família. Apesar de feliz com a vida doméstica, o Sr. Incrível ainda sente falta dos tempos em que viveu como super-herói, e sua grande chance de entrar em ação novamente surge quando um velho inimigo volta a atacar. Só que agora ele terá que contar com a ajuda de toda a família para vencer o vilão!

Elenco

Personagem / Estados Unidos(original) / Brasil / Portugal
Roberto “Beto” Pêra-Sr. Incrível / Craig T. Nelson / Márcio Seixas-
Luiz Feier Motta(redublagem) / João Lagarto
Helena Pêra-Mulher-Elástica / Holly Hunter / Márcia Coutinho / Paula Fonseca
Flecha Roberto Pêra(br)-Flechandro Roberto Pêra / Spencer Fox / Bernardo Coutinho-Matheus Perissé (redublagem) / Afonso Maló
Violeta Pêra / Sarah Vowell / Lina Mendes / Leonor Machado
Joselito “Zezé” Pêra / Eli Fucile & Maeve Andrews
Lúcio Barros-Gelado / Samuel L. Jackson / Luiz Carlos Persy-
Márcio Simões(redublagem) / Rui Unas
Síndrome / Jason Lee / Alexandre Moreno / Renato Godinho
Edna Mode / Brad Bird / Nádia Carvalho / André Maia

Os Incríveis:Nada de capa

Produção

Com “Os Incríveis”, o diretor Brad Bird pediu para sua equipe da Pixar inovar, extrapolar e descobrir novas maneiras de levar esse processo a seus extremos mais criativos. De acordo com o produtor John Walker: “Esse filme começou com uma visão pessoal e uma paixão que contagiou toda a Pixar. É estimulante avançar, ser pioneiro em novas técnicas e convidar o público a participar de uma experiência que é tão emocional e divertida quanto inovadora”.

Animação

Com o filme, a Pixar fez muitas novas renovações. Em uma das cenas maiores, ela filmou usando um simples modelo geométrico. Após o diretor aprovar a tomada, modelos mais complexos foram construídos para a câmera. Isso permitiu mais flexibilidade. Por exemplo: a cena da batalha final na cidade foi tão grande que não fazia sentido construir uma cidade e depois descobrir como filmá-la. Assim, a equipe da Pixar pré-visualizou a cena e depois filmou a ação. Somente depois os cineastas construíram um modelo final ao qual acrescentaram mais detalhes.

A pele das personagens ganhou um novo nível de realismo de uma tecnologia para produzir o que é conhecido como espalhamento de subsuperfície. Os desafios não pararam com os seres humanos de modelagem. Brad Bird decidiu perto do final do filme que bebê Zezé iria passar por uma série de transformações, e em um dos cinco planejados ele iria se transformar em uma espécie de gosma. Diretores técnicos acreditavam que levaria mais de dois meses para trabalhar o efeito, e a produção estava em um ponto onde dois meses de seu tempo era indescritivelmente precioso. Eles pediram para o produtor do filme, John Walker ajuda Bird, que trouxe mais de Walker da Warner Bros, teve grande exceção à ideia de que Zezé pode sofrer apenas quatro transformações. Eles discutiram sobre o assunto em várias reuniões invectiva-atado por dois meses.

Os Incríveis:Explosão no avião

DVD

O DVD do filme, lançado em no ano de 2005, trouxe três curta-metragens: Jack-Jack Attack, Mr. Incredible and Pals e Boundin’, esse último lançado nos cinemas em 2003, Jack-Jack Attack deveria aparecer no filme, mas foi cortada da edição. O diretor escolheu expandi-lo e transformá-lo em um curta-metragem, foi nomeado para o Hugo Awards de 2006 na categoria Melhor Apresentação Dramática na forma curta.

Polêmicas

Indenização aos dubladores

As empresas The Walt Disney Company Brazil Ltda e Double Sound foram condenadas a pagar uma indenização por danos, no valor de R$ 25 mil, para cada integrante da equipe de dublagem brasileira do filme “Os Incríveis”, por reprodução não autorizada.

A Anad (Associação Nacional dos Artistas de Dublagem), a qual alegou que os artistas foram contratados pela Delart para dublar o desenho “Os Incríveis”, apenas para o cinema, mas houve reprodução não autorizada do filme, em outros meios, como DVDs e televisão, sem autorização da Associação e sem remuneração. Segundo a Anad, a Delart teria enviado à Walt Disney o arquivo de dados contendo a versão dublada, sem fazer qualquer ressalva, permitindo a reprodução do desenho dublado em outros meios de veiculação.

Sequência

Nos últimos anos a Pixar anunciou muitas continuações, e no mês de outubro de 2011, Brad Bird anunciou que quer fazer um novo filme. Brad Bird relatou que “conseguir pensar em algo que seja legal o quanto foi Toy Story 2”, segundo ele foi uma sequência perfeita, pois respeitou absolutamente o primeiro filme. Em 18 de março de 2014 uma sequência foi anunciada e confirmada com lançamento programado para o Verão de 2018, 14 Anos após o primeiro filme.

Fotos:

Casamento Beto e Helena
Casamento Beto e Helena
Helena limpando
Helena limpando
Mulher-elastica no avião
Mulher-elastica no avião
Os incriveis na ilha-
Os incriveis na ilha-
Os incriveis no tunel
Os incriveis no tunel
Os incriveis-a familia
Os incriveis-a familia
Os incriveis-Edna Moda
Os incriveis-Edna Moda
Os incriveis-Flecha
Os incriveis-Flecha
Os incriveis-Mulher-elástica
Os incriveis-Mulher-elástica
Os incriveis-Sindrome
Os incriveis-Sindrome
Sindrome criança
Sindrome criança
Sr Incrivel e Sindrome criança
Sr Incrivel e Sindrome criança
Sr.Incrivel e Mulher elastica
Sr.Incrivel e Mulher elastica
Sr.Incrivel
Sr.Incrivel
Violeta e Flecha na ilha
Violeta e Flecha na ilha

Referências:Wikipédia,IMDB além do site Imagoi.