Selton Mello

Selton Figueiredo Mello (Passos, 30 de dezembro de 1972) é um ator, dublador, diretor e produtor brasileiro premiado inúmeras vezes por suas personagens em filmes e séries e por sua direção.

Selton Mello

  • Nome completo: Selton Figueiredo Mello
  • Nascimento: 30 de dezembro de 1972 (48 anos)
    Passos, MG
  • Residência: Rio de Janeiro, RJ
  • Nacionalidade: brasileiro
  • Altura: 1,81m
  • Peso:76kg
  • Parentesco: Irmão: Danton Mello
  • Ocupação: ator, dublador, diretor, produtor
  • Período de atividade: 1981–presente
  • Instagram: @seltonmello
  • Twitter: @seltonmello

Entrevista com Selton Mello | The Noite (21/03/18)

Selton Mello Fala da serie da Lava Jato
Selton Mello, sobre papel em série da Lava-Jato: ‘Tive receio’

Biografia

Nascido em Passos, ainda criança se mudou para São Paulo com sua família. Devido a sua carreira de ator, passou a residir na cidade do Rio de Janeiro. É filho de Dalton Natal Mello e Selva Aretuza Figueiredo de Mello e irmão do também ator Danton Mello.

Carreira

Seu primeiro trabalho na televisão ocorreu em 1981, quando tinha oito anos, no seriado Dona Santa exibido na Rede Bandeirantes, interpretando Sidney, um dos personagens centrais da trama. Em 1983, viveu Raimundo na novela Braço de Ferro, também na Bandeirantes. Em 1984, se transferiu para Rede Globo e integrou no elenco da novela Corpo a Corpo como Ronaldo Pellegrini. Em 1986, participou da primeira fase da novela Sinhá Moça interpretando o escravo alforriado Rafael.

 

Fã deixa Selton Mello roxo de vergonha ao vivo

 Selton Mello: ator, dublador e diretor
Selton Mello: ator, dublador e diretor

Em seguida, ficou afastado da TV por seis anos, para se dedicar ao cinema e a sua carreira como dublador. Personagens como John Bender, de Clube dos Cinco, e o jovem Indiana de Indiana Jones e a Última Cruzada foram dublados por ele em suas versões brasileiras. Diversos outros filmes como Loucademia de Polícia, Os Goonies e os Karate Kid Parte II e Parte III tiveram suas dublagens feitas por ele. A Nova Onda do Imperador, Irmão Urso e a animação brasileira Uma História de Amor e Fúria são outros que ele participou.

Em 1990, fez sua estreia no cinema através do filme Uma Escola Atrapalhada no papel de Renan. Em 1992, retornou as novelas interpretando Bruno em Pedra sobre Pedra. Em 1993 esteve no elenco da novela Olho no Olho interpretando Juca. Em 1994, viveu Vítor Velasquez, um dos personagens centrais da novela Tropicaliente. Em 1995, viveu Antônio Mestieri na novela A Próxima Vítima. Em 1997, interpretou Emanuel na novela A Indomada. Em 1999, protagonizou ao lado do ator Matheus Nachtergaele a minissérie O Auto da Compadecida no papel do nordestino Chicó. No mesmo ano, foi co-protagonista da novela das seis Força de um Desejo interpretando Abelardo Sobral.

Em 2000, foi protagonista da série A Invenção do Brasil feita em comemoração aos 500 anos do Brasil, como Diogo Álvares Corrêa, o Caramuru. Em 2001, protagonizou a minissérie Os Maias interpretando João da Ega. No mesmo ano, protagonizou o filme Lavoura Arcaica como André. Em 2003, integrou no elenco da terceira temporada do seriado Os Normais no papel de Bernardo. No mesmo ano, protagonizou o longa-metragem Lisbela e o Prisioneiro como Leléu Antônio. Em 2004, foi um dos protagonistas da série Os Aspones, interpretando Tales. No mesmo ano, apresentou o programa Tarja Preta, exibido no Canal Brasil, onde entrevistava profissionais do cinema e de cultura

Em 2005, viveu Pernambuco Nogueira no filme O Coronel e o Lobisomem. Em 2006, estreou como diretor, dirigindo o curta-metragem Quando o Tempo Cair Em 2007, viveu o protagonista Matt na série O Sistema. Em 2008, protagonizou o filme Meu Nome Não É Johnny, interpretando o produtor musical João Guilherme Estrella, e dirigiu o filme Feliz Natal. Em 2009, protagonizou o filme Jean Charles, baseado na história real do brasileiro morto ao ser confundido com terroristas em Londres. Em 2010, esteve no elenco da série A Cura no papel do protagonista Dimas Bevilláqua. Em 2011, protagonizou ao lado de Luana Piovani e Débora Falabella, o seriado A Mulher Invisível interpretando Pedro; a série foi baseada no filme lançado em 2009. Também em 2011, protagonizou Billi Pig com Grazi Massafera, onde interpretou Wanderley, e lançou seu segundo filho, O Palhaço, do qual é protagonista, roteirista e diretor e com o qual ganhou doze Grandes Otelos no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2012.

Selton Mello: ator, diretor e palpiteiro

 

Selton Mello Homenageia seu irmão
Selton Mello homenageia Danton Mello com foto dos dois na infância

Em 2012, o protagonista Troy Somerset viveu o filme Reis e Ratos. Ainda em 2012, Caio deu início à transmissão ao vivo da série Therapy Session no canal GNT, sendo também diretor do filme. A série ganhou mais duas temporadas, que duraram até 2014. Em 2014, participou do filme anglo-brasileiro “Lixo-AEsperança Vem do Lixo” como Frederico. Em 2016, interpretou Augusto de Valmont (Augusto de Valmont), um dos protagonistas da série “Conexão Perigosa”. Ainda em 2016, foi um dos atores do último filme de Héctor Babenco “Meu Amigo Índio” como a encarnação da morte. Em 2017 dirigiu, dirigiu e dirigiu seu terceiro filme, O Filme da Minha Vida.

Em 2018, protagonizou a série da Globo Treze Dias Longe do Sol como Saulo Garcez e integrou o elenco da série O Mecanismo, da Netflix, interpretando o protagonista Marco Ruffo. A série teve duas temporadas. Em 2020, retornaria as novelas após 23 anos afastado, interpretando o protagonista Dom Pedro II na novela das seis Nos Tempos do Imperador, entretanto a novela foi adiada devido a Pandemia de COVID-19 e sua produção prevê que a novela tenha condições de ir ao ar apenas em 2021.

Selton Mello – Dubladores e Seus Personagens

Selton Mello diz que ‘Nos Tempos do Imperador’ vai iluminar os pensamentos sobre o Brasil
Selton Mello diz que ‘Nos Tempos do Imperador’ vai iluminar os pensamentos sobre o Brasil

Vida pessoal

Selton não se casou ou teve filhos. O próprio ator não se importa em ser solteiro e solitário, tendo tido poucos relacionamentos duradouros e mantendo uma vida pessoal discreta. Entre 1994 e 1997, namorou a atriz Danielle Winits. Entre 2000 e 2002, namorou a atriz Andréa Leal. Teve um breve relacionamento com Luana Piovani durante as filmagens de A Mulher Invisível, em 2009.

Selton Mello – Programa do Jô fala sobre dublagens

Selton Mello em seu primeiro filme nos EUA
Selton Mello vai dirigir seu primeiro filme nos EUA

Filmografia
Televisão

  • 1981–82: Dona Santa /Sidney
  • 1983: Braço de Ferro /Raimundo
  • 1984: Corpo a Corpo / Ronaldo Pellegrini
  • 1986: Sinhá Moça / Rafael (jovem) / Participação
  • 1988: Grupo Escolacho / N/D / Especial de fim de ano
  • 1992: Pedra sobre Pedra / Bruno
  • 1993: Você Decide / Edu / Episódio: “Laços de Sangue”
    Olho no Olho / Juca
  • 1994: Tropicaliente / Vitor Velasquez
  • 1995: A Próxima Vítima / Tonico
  • 1996: A Comédia da Vida Privada / Luís Eduardo / Billy Boy (Valdemar) / Episódio: “Parece Que Foi Ontem”
    Episódio: “O Grande Amor da Minha Vida”
  • 1997: A Indomada / Emanuel
  • 1999: O Auto da Compadecida / Chicó
    Força de um Desejo / Abelardo Sobral
  • 2000: A Invenção do Brasil / Diogo Álvares Correia (Caramuru)
    Brava Gente / N/D
    Retrato Falado / N/D
  • 2001: Os Maias / João da Ega
    Os Normais / N/D / Episódio: “Um Sábado Normal”
  • 2002: Copas de Mel / N/D
  • 2003: Os Normais / Bernardo / Temporada 3
    Casseta & Planeta, Urgente! / Ele mesmo / Episódio: “9 de setembro”
  • 2004: Sitcom.br Homem / Episódio: “Medo de Avião”
    Os Aspones / Tales
  • 2004–09: Tarja Preta / Apresentador
  • 2007: O Sistema Matias / Matt
  • 2010: A Cura / Dimas Bevilláqua
  • 2011: A Mulher Invisível / Pedro
  • 2012;
  • 2019–presente: Sessão de Terapia / Dr. Caio Barone / Participação (Temporada 1)/
    Elenco principal /(Temporada 4–5)/Também diretor
  • 2016: Ligações Perigosas / Augusto de Valmont
  • 2018: Treze Dias Longe do Sol / Saulo Garcez
  • 2018: O Mecanismo / Marco Ruffo
  • 2022: Nos Tempos do Imperador / Dom Pedro II

Cinema

  • 1990: Uma Escola Atrapalhada / Renan
  • 1994: Lamarca / Ivan
  • 1995: Flora / Remo / Curta-metragem
    Razão Pra Crer
  • 1997: O Que É Isso, Companheiro? / César / Oswaldo
    Guerra de Canudos / Tenente Luís da Gama
  • 2000: O Auto da Compadecida / Chicó
  • 2001: Lavoura Arcaica André
    Caramuru – A Invenção do Brasil / Diogo Álvares Correia (Caramuru)
  • 2003: Lisbela e o Prisioneiro / Leléu Antônio da Anunciação
  • 2004: Garotas do ABC / Salesiano de Carvalho
    Nina / Namorado de Ana
  • 2005: O Coronel e o Lobisomem / Pernambuco Nogueira
  • 2006: Quando o Tempo Cair / Curta-metragem; direção
    Árido Movie / Bob
    Tarantino’s Mind / Curta-metragem
  • 2007: O Cheiro do Ralo / Lourenço
  • 2008: Meu Nome Não é Johnny / João Guilherme Estrella
    Os Desafinados / Dico
    A Erva do Rato / Ele
    Feliz Natal / Direção
  • 2009: A Mulher Invisível / Pedro
    Jean Charles / Jean Charles de Menezes
  • 2010: Federal / Dani
    Lope / Marquês de Navas
  • 2011: O Palhaço Benjamin / Pangaré / Também diretor
  • 2012: Reis e Ratos / Troy Somerset
    Billi Pig / Wanderley
  • 2014: Trash – A Esperança Vem do Lixo / Frederico Gonz
  • 2016: Meu Amigo Hindu / Morte
  • 2017: Soundtrack / Cris / Também produtor
    O Filme da Minha Vida / Paco / Também diretor

Dublagem

  • 1983: O Programa de Charlie Brown e Snoopy / Charlie Brown
  • 1984: Locademia de Polícia / Jones
  • 1985: Clube dos Cinco / John Bender
    Os Goonies / Brand Walsh
  • 1986: Karate Kid 2 / Daniel Larusso
  • 1987: Dinosaucers / David
  • 1989: Karate Kid 3 – O Desafio Final / Daniel Larusso
    Indiana Jones e a Última Cruzada / Indiana Jones (jovem)
  • 1990: Linha Mortal / Nelson Wright
    Duck Tales / Asnésio
  • 2000: A Nova Onda do Imperador / Kuzco
  • 2003: Irmão Urso / Kenai
  • 2009: Reflexões de um Liquidificador / Liquidificador
  • 2013: Uma História de Amor e Fúria / Homem-Pássaro
  • 2017: Lino – O Filme: Uma Aventura de Sete Vidas / Lino

Videoclipes

  • 2005: “Flerte Fatal” / Diretor / Produtor / Ira!
  • 2006: “Corpo Fechado” / Diretor / Nasi
  • 2009: “Esconderijo” / Diretor / Ana Cañas

Teatro

  • 1987: O Ateneu
  • 1992: Os Meninos da Rua Paulo / Capitão dos Camisas Vermelhas
  • 1995: A Luz da Lua
  • 1999–05: O Zelador / Mick / Produtor
  • 2001: Esperando Godot / Wladimir
  • 2003: Zastrozzi / Zastrozzi / Diretor / Produtor

Prêmios e indicações

  • 1998: Prêmio Contigo! de TV / Melhor Ator Coadjuvante / A Indomada/ Venceu
  • 2001: Festival de Havana / Melhor Ator / Lavoura Arcaica/ Venceu
    Festival de Brasília / Melhor Ator / Venceu
  • 2002: Mostra de Cinema Latino-americano de Lérida / Melhor Ator/ Venceu
    Festival de Cinema de Lima / Melhor Ator / Venceu
  • 2004: Grande Prêmio do Cinema Brasileiro / Melhor Ator / Lisbela e o Prisioneiro / Venceu
    Prêmio ACIE de Cinema / Melhor Ator / Indicado
    Prêmio Qualidade Brasil / Melhor Apresentador / Tarja Preta/ Venceu
  • 2006: Prêmio Contigo! de Cinema Nacional / Melhor Ator Coadjuvante (popular) / O Coronel e o Lobisomem / Venceu
    Cine PE Melhor Ator Coadjuvante Árido Movie Venceu
    Festival de Cinema de Países de Língua Portuguesa / Melhor Ator Coadjuvante / Venceu
    Festival do Rio / Melhor Ator / O Cheiro do Ralo / Venceu
    Festival Internacional de Cinema de Punta Del Este / Melhor Ator / Venceu
    Festival Internacional de Cinema de Guadalajara / Melhor Ator/ Venceu
    Prêmio SESC/SATED / Melhor Ator / Venceu
  • 2007: Prêmio Contigo! de Cinema Nacional / Melhor Ator Coadjuvante/ Árido Movie / Indicado
    Prêmio Qualidade Brasil / Melhor Ator / O Cheiro do Ralo/ Indicado
    Troféu APCA / Melhor Ator / Venceu
    Prêmio Faz Diferença – O Globo / Segundo Caderno Cinema/ Venceu
  • 2008: Prêmio ACIE de Cinema / Melhor Ator / Indicado
    Grande Prêmio do Cinema Brasileiro/ Melhor Ator / Indicado
    Festival Paulínia de Cinema / Melhor Diretor / Feliz Natal/ Venceu
    Festival de Cinema de Goiânia / Melhor Diretor / Venceu
    Los Angeles Brazilian Film Festival / Melhor Diretor/ Venceu
    Prêmio Contigo! de Cinema Nacional/ Melhor Ator / Meu Nome Não É Johnny /Venceu
    Festival Internacional de Cinema de Miami / Melhor Ator/ Venceu
    Prêmio Qualidade Brasil / Melhor Ator / Venceu
    Brazilian Film Festival of Toronto / Melhor Ator / Venceu
  • 2009: Festival de Cinema de Países de Língua Portuguesa / Melhor Ator / Venceu
    Prêmio Vivo de Cinema Brasileiro / Melhor Ator /Venceu
    Grande Prêmio do Cinema Brasileiro / Melhor Ator / Venceu
    Prêmio ACIE de Cinema / Melhor Ator / Indicado
    Melhor Diretor / Feliz Natal / Indicado
    Prêmio Bravo! Prime de Cultura / Artista Prime do Ano/ Homenagem / Venceu
    Prêmio Quem de Cinema / Melhor Ator / Jean Charles/ Venceu
    Prêmio Contigo! de Cinema Nacional / Melhor Ator / Indicado
  • 2010: Grande Prêmio do Cinema Brasileiro / Melhor Ator / Indicado
    Melhor Ator / A Mulher Invisível / Indicado
    Prêmio ACIE de Cinema / Melhor Ator/ Indicado
    Prêmio Qualidade Brasil / Melhor Ator de Minissérie / A Cura/ Indicado
    Prêmio Extra de Televisão Melhor Ator / Indicado
  • 2011: Prêmio Contigo! de TV / Melhor Ator em Série ou Minissérie/ Indicado
    Prêmio Extra de Televisão Melhor Ator / A Mulher Invisível/ Indicado
  • 2012: Prêmio Faz Diferença – O Globo / Segundo Caderno Cinema / O Palhaço / Venceu
    Festival Internacional de Chicago / Melhor Diretor Revelação/ Venceu
    Troféu APCA / Melhor Diretor /Venceu
    Prêmio ABC de Cinematografia / Melhor Edição (com Marília Moraes)/ Venceu
    Grande Prêmio Brasileiro de Cinema / Melhor Filme de Ficção/
    Melhor Diretor/Melhor Ator/Melhor Roteiro Original (com Marcelo Vindicatto)/Melhor Montagem de Ficção (com Marília Moraes)/Venceu
    Prêmio ACIE de Cinema /Melhor Filme/ Prêmio Blockbuster Brasil/ Venceu
    Festival Paulínia de Cinema / Melhor Diretor de Ficção/Melhor Roteiro (com Marcelo Vindicatto) / Venceu
    Prêmio Quem de Cinema / Melhor Ator / Venceu
    Festival de Cinema da Lapa Melhor Diretor / Venceu
    Festival Internacional de Cinema de Toronto / Melhor Ator/ Venceu
    Festival de Cine Iberoamericano de Huelva / Prêmio de Audiência/ Venceu
    Festival Sesc Melhores Filmes / Melhor Filme (júri)/Melhor Diretor (popular)/Melhor Ator (júri) /Venceu
    Prêmio Contigo! de Cinema Nacional / Melhor Diretor (júri)/ Venceu/ Melhor Ator (júri)/ Melhor Roteiro (júri)/ Indicado /
    Melhor Ator (popular) / Billi Pig/ Venceu
  • 2017: Festival de Cinema da Lapa / Melhor Diretor / O Filme da Minha Vida / Venceu/ Melhor Roteiro (com Marcelo Vindicatto) / Venceu
  • 2018: Mostra de Cinema Latino-americano de Lérida/ Menção Especial/ Venceu
    Grande Prêmio do Cinema Brasileiro / Melhor Ator Coadjuvante/ Indicado / Melhor Roteiro Adaptado / Indicado
Selton Mello fala sobre viver sozinho
Posso viver muito bem sozinho”, afirma Selton Mello
Selton Mello Alto da Comparecida
Selton Mello relembra personagem e atuação em “O Auto da Compadecida”
Selton Mello contracena com ator inglês Ralph Ineson em "Soundtrack"
Selton Mello contracena com ator inglês Ralph Ineson em “Soundtrack”
Selton Mello Personagem A Indomada
Emanoel Faruk (Selton Mello) – Personagens de “A Indomada”
Selton Mello estreou com 9 anos, no seriado 'Dona Santa', na Band, em 1982
Selton Mello estreou com 9 anos, no seriado ‘Dona Santa’, na Band, em 1982
Selton Mello assume o papel do psicanalista em 'Sessão de terapia'
Selton Mello assume o papel do psicanalista em ‘Sessão de terapia’
Novo longa de Selton Mello tem os ingredientes necessários para se tornar um clássico do cinema brasileiro
Novo longa de Selton Mello tem os ingredientes necessários para se tornar um clássico do cinema brasileiro

Fontes: Wikipédia, IMDB, além da pesquisa no site Imagoi.